O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) anunciou nesta quinta-feira (25) que será comandado por uma mulher pela primeira vez: a suíça Mirjana Spoljaric Egger será a presidente do comitê da instituição, uma das mais prestigiosas organizações humanitárias do mundo.

Egger substituirá Peter Maurer em 1º de outubro de 2022. Atualmente, ela é diretora do escritório regional para a Europa e a Comunidade de Estados Independentes do Programa de Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Maurer decidiu que deixará o cargo em setembro de 2022, depois de presidir o CICV durante 10 anos.

O mandato do presidente é de quatro anos, com possibilidade de renovação.

Spoljaric Egger é uma diplomata renomada e teve diversos cargos no ministério das Relações Exteriores da Suíça.

 

Fonte: g1 Mundo
Foto: Divulgação/Cruz Vermelha/Via AFP